DTUP

por J. JONAS.

Economia

Mas tudo tem grandes chances de piorar ainda mais no cenário econômico. Vejam só: é quase unanimidade entre os economistas que irá acontecer num curto espaço de tempo (alguns deles dizem que os primeiros sinais já começaram) uma nova crise econômica mundial. Ou seja, crise no mundo, afeta a todos. E mais ainda os emergentes. E mais ainda os emergentes em frangalhos.

Portanto, o Brasil é alvo fácil.

 

Economia 2 

Já existem economistas projetando para 2016 uma queda de 4% do PIB…

 

Economia 3

A prévia da inflação para janeiro foi de 0,92%, a maior para o mês desde 2003. E a mentira contada pelos petistas de que a inflação em 2016 será bem menor do que a de 2015 já começa a ruir rapidamente. E com esse valor, o índice no acumulado nos últimos 12 meses continua acima dos dois dígitos, agora com 10,74%, acima dos 10,67% que fechou 2015, que foi a maior desde 2002.

 

Economia 4

O lado mais macabro de uma crise econômica é a elevação do desemprego. Em 2015 tivemos mais de 1,5 milhão de desempregados (estamos falando de perda de empregos formais, aqueles com carteira de trabalho).

E para 2016 as projeções falam em mais um milhão de postos de trabalho perdidos.

(ET – E para piorar o cenário, a OIT (Organização Iternacional do Trabalho), já prevê uma perda de 7 milhões de empregos no mundo até 2020 por causa da nova revolução industrial, a chamada 4ª. Revolução. E é obvio que parte dessas perdas também se dará no Brasil, independentemente das questões econômicas)

(ET 2 – É bom lembrar (e a prefeitura do Rio de Janeiro já registrou tal fato) que assim que começarem as olímpiadas, mais de 50 mil postos de trabalho serão extintos, já que as obras para a realização do evento terão acabado)

 

Economia 5

Nos dias 19 e 20, o Copom – Comitê de Política Econômica do Banco Central, se reuniu pela primeira vez em 2016 para definir a taxa de juros, decidindo por mantê-la. Independentemente de qual das três decisões possíveis (baixar, manter ou elevar) a ser tomadas pelo Comitê, já que qualquer uma seria muito ruim para o cenário econômico brasileiro, o que significa dizer que a economia brasileira chegou numa situação surreal, o que mais chamou a atenção de todos foi o comportamento, a postura, a forma pela qual o Copom se portou, deixando clara a subserviência da instituição à presidência da República.

(ET – E essa brincadeirinha do Copom fez com que o dólar batesse essa semana nos R$ 4,17, o maior valor desde o plano real)

 

Economia 6

A Petrobrás vai quebrar. Só para se ter uma ideia, hoje a estatal vale menos do que arrecadou na capitalização de 2010. Isso sem falar nos cortes de investimentos, dívidas, corrupção, má gestão.

Ou se faz algo rapidamente e da forma certa, ou a empresa vai quebrar.

 

Economia 7

Não reclame da crise no Brasil. Trabalhe!

Seja criativo. Faça como o aedes aegypti que começou pequeno e hoje é bem sucedido com 3 produtos no mercado e planos de expansão.

 

Incompetência plena

Por falta de troco (não, não estamos mentindo, é isso mesmo) a estação de metrô Consolação (São Paulo) reduziu o preço da passagem de R$ 3,80 para R$ 3,50.

Incompetência plena na gestão pública.

 

Socialismo

O que estraga o Brasil não é azelite branca, mas azelite vermelha.

Socialismo, é o câncer do mundo.

 

Socialismo

E a sabedoria popular diz: intelectuais de esquerda são um bando de pessoas ricas tentando convencer os pobres a votar em pessoa ricas, dizendo para os pobres, que as outras pessoas ricas são a causa de sua pobreza. Isso é o socialismo.

 

Ninguém lê

Todo mundo diz que não lê o Já!, mas todo mundo que diz que não lê, sabe exatamente o que está escrito nele. Mas, mais que isso, soubemos que foi um tal de tirarem foto da edição passada do Já! e de algumas matérias, e estas serem distribuídas pelas redes sociais que foi uma grandeza.

 

Só registrando

Essa semana uma pessoa criticou (coisa que não nos faz ficar sem dormir) bastante o Já! numa roda de conversas. No entanto, no grupo de pessoas das críticas, havia uma que nos quer muito bem, e que nos contou tudinho, tudinho.

Considerando o conteúdo das críticas que nos foi confidenciado, temos que registrar aqui a ocorrência do fato. Mas, principalmente, temos que registrar que conhecemos muito bem sua índole, seu caráter e, principalmente, seu passado, nada glorioso e nada condizente com a atualidade.

Então, informamos à nossa pobre desafeta que em 2010, 2011 e 2012 nós sabemos muito bem quem você era e o que fazia. Isso sem falar na incapacidade intelectual de sequer ser aprovada na provinha, já que há anos nada mais é que apenas office girl de luxo. Tá registrado.

 

Campanha

A campanha continua, firme e forte: vote 13 e confirme, confirme que você é trouxa!

 

Campanha II

E quanto ao PMDB é a mesma coisa: vote 15 e confirme, confirme que você é cúmplice.

 

Beatriz

E nossa cobrança continua: senhores e senhoras autoridades responsáveis pela segurança pública, a sociedade ararense exige uma satisfação de Vossas Senhorias a respeito das investigações do caso da menina Beatriz?

 

Só agora?

Foi aprovada essa semana na Câmara Municipal uma lei sobre o combate do mosquito aedes aegypti em Araras.

Mas, com todo o respeito (e como pergunta não ofende): os administradores municipais precisaram de quase 7 anos à frente da administração pública para descobrirem que era necessária essa lei? Perdão, pessoal, mas isso é muita incompetência.

 

Mato alto

E o mato alto toma conta da cidade.

E como essa coluna já disse faz tempo, já tem lugar que necessita novo roçamento, mesmo havendo lugares que sequer a prefeitura conseguir passar antes. É uma falta de planejamento total.

 

Buracos

Há seis messes essa coluna fala semanalmente da precária situação do pavimento das vias públicas de Araras. No entanto, só agora, com acidentes ocorrendo é que o assunto virou moda.

Quanta hipocrisia! De todos. Isso sem falar nas mentiras contadas pelo prefeito.

É uma vergonha o quanto políticos mentem.

 

Visita

Ficamos sabendo por fonte digna, da mais alta confiança, que o Gaeco e o Ministério Público (de Campinas) esteviram na cidade essa semana, para uma visitinha à prefeitura. O resto das informações? Perguntem lá no Posto Ipiranga.

 

Incubadora

Essa coluna trouxe com exclusividade, ainda no ano passado, as primeiras informações a respeito do caso lá da Incubadora de empresas que está sendo investigado pela Promotoria de Justiça de Araras.

Pois bem, essa semana recebemos novas informações sobre o assunto.

A primeira dá conta de que haveria um pedido de quebra de sigilo (bancário) de um integrante do primeiro escalão da prefeitura.

A segunda diz que o valor citado no processo de recebimento (se ilegal ou não a Justiça é que vai decidir) seria algo em torno de R$ 50 mil.

Mensais.

 

Guariba

Por questões alheias à nossa vontade, os assuntos de Guariba vão ficar para a próxima semana. Infelizmente.

Sim, sabemos que vocês estão aguardando ansiosamente as revelações anunciadas na semana passada, mas como dissemos, um problema de ordem técnica e um de ordem pessoal nos impede de trazer as informações completas nessa edição.

por J. JONAS.
jotajonasdtup@hotmail.com

Ano XI – Edição nº 582
Araras, 24 de Janeiro de 2016

administrador

Um jornal parcial: sempre ao lado do povo! Vamos conversar olho no olho? Sem hipocrisia, nem histeria, fechou?

Deixe uma resposta